Frases de Álvares de Azevedo


Manuel Antônio Álvares de Azevedo foi um escritor, contista, dramaturgo, poeta e ensaísta brasileiro. (1831-1852)


As Melhores Frases de Álvares de Azevedo


“Deixo a vida como deixo o tédio.” “Em negócios de amor, nada de sócios.”


“Desânimo Estou agora triste. Há nesta vida Páginas torvas que se não apagam, Nódoas que não se lavam… se esquecê-las De todo não é dado a quem padece… Ao menos resta ao sonhador consolo No imaginar dos sonhos de mancebo! Oh!”


“Invejo as flores que murchando morrem, e as aves que desmaiam-se cantando e expiram sem sofrer.”


“O espírito é variável como o vento.”


“Sou o sonho de tua esperança, Tua febre que nunca descansa, O delírio que te há de matar!”


“Todo o vaporoso da visão abstrata não interessa tanto como a realidade da bela mulher a quem amamos.”


“Tu és o sol, e eu sou a lagartixa.”